Friday, November 04, 2005

NOSSO SER


Quando a alma escurece
Batemos no fundo do poço
Desacreditamos na vida
Desperdiçamos momentos únicos
Com raiva do futuro
Aprisionados pelo passado
Desvairávamos como tornados
Destruindo tudo o que nos rodeia
Sentimo-nos esvaziar no tempo
Sentirmo-nos em plena solidão
Onde
O incorrecto é correcto
A verdade é mentira
A loucura é desculpa
Descendo ao mais baixo
Magoando quem nos enfrenta
Não reparando quem nos ama…
Que seres somos nós?
Que tão puramente amamos
E tão friamente ferimos…

LIZ, NOVEMBRO de 2005


7 comments:

Roberto Iza Valdes said...
This comment has been removed by a blog administrator.
111x6 said...

Liz , eu fiquei muito pensativo depois que li a sua postagem .Meu carinho para você !

Eliane Alcântara. said...

Liz, desculpe pelo meu sumiço. A net 'anda' de mal comigo : (
Um beijo grande e, somos seres repletos de transformação ; )

Karol said...

Oi Liz... quem somos? Que tipo de seres? Ainda não sei, também queria descobrir...
Bjos, boa semana =)

Carmem L Vilanova said...

Minha linda!
Passei para deixar-te beijinhos de boa semana para ti!

Eliane Alcântara. said...

Estou com saudades de você, Liz!
Passeando?
Uma linda semana!
Beijos!

Iza Roberto said...
This comment has been removed by the author.