Sunday, December 26, 2004

CRIANÇA FERIDA


Sem pedir para vir ao mundo
nasceu com seu destino traçado

fugindo apavorado dos maus tratos
abandonado no leito do sofrimento

sapatos cambádos e bolsos rotos
perdendo por eles seus humildes sonhos

transborda um olhar triste e melancólico
traduzindo mágoa pela frieza da vida

percorre longas e efémeras calçadas
ao encontro de quem o sustente
prostitui-se

embarca num tunel escuro sem fim
á conquista de seus maléficos vícios

sentindo a necessidade de sobreviver
perde a ingenuidade de uma criança

perde a beleza da juventude
ganha o poder da vingança..........


LIZ, 26 de DEZEMBRO de 2004

10 comments:

Anonymous said...

LINDO, LINDO, LINDO, só mesmo escrito por você :)
Bom final de ano e que 2005 traga tudo o QUE VOCÊ DESEJA.BJS :)

R said...

........

ARTUR

Micas said...

Infelizmente é a triste realidade de alguns jovens, marginalizados pela sociedade hipocrita em em vivemos. É lindo este poema Liz. Beijinho Grande.

Anonymous said...

Beta, you think love exist????Maybe only imagination ?
i wish you happy New year.....

Anonymous said...

I don't know your language, but i translated, you write very nice words, i can't believe....you really feel it????

Pecola said...

Nem todos podem ter o privilégio de nascer num berço de ouro..

BlueShell said...

LIZ, que bom "ver-te" de novo!

Triste...mas real, infelizmente! Tão real...
Jinho, BShell

Filipa said...

Tão triste, tão belo e tão real...

BlueShell said...

Obrigada Liz, pela tua visita e pelo comentário deixado. Um 2005 pleno de amor e felicidade para vós os dois e para todos os que vos são queridos. Aceitem um bjito da Blueshell

Andrea Motta said...

Lis desejo-lhe muita paz, amor, saúde e realização de todos seus sonhos neste ano que ora se inicia. Beijos Andréa.